Adicione cada um dos seis tipos de posicionamentos mecânicos para controlar os níveis de liberdade dos componentes na hora de projetar mecanismos. Posicione cilindros, planos ou pontos com relação a uma série de faces tangentes com posicionamentos de seguidor de came. Limite a rotação entre dois componentes com posicionamentos de dobradiças. Mova componentes em linha reta para mover outros componentes em rotações com posicionamentos de pinhão e cremalheira. Adicione uma relação de guinada entre a rotação de um componente e a translação de outro componente com um posicionamento de parafuso. Gire dois componentes relacionados com um posicionamento de engrenagem ou um posicionamento de junta universal.
Lesson
6 meses atrás
ENG
JPN
Modeles peças nas montagens, usando referências a outros componentes para completar o projeto. A finalidade do projeto de novas peças (tamanhos dos recursos, posicionamento de componentes na montagem etc.) vem de outros elementos da montagem. Empregue as técnicas de modelagem de montagens de cima para baixo para construir peças virtuais para montagens específicas. Faça referências à geometria das peças posicionadas para criar recursos para montagens específicas. Saiba o que são posicionamentos no local e referências externas. Identifique referências externas na árvore de projeto do FeatureManager.
Lesson
6 meses atrás
ENG
JPN
Descubra como começar a rotear e como a submontagem da rota organiza e armazena os componentes das rotas. Ative o suplemento Roteamento. Localize os menus Tubulação rígida, Tubulação flexível e Elétrica. Saiba como trabalhar com submontagens de roteamento. Identifique os componentes da biblioteca de roteamento. Use o Gerenciador de biblioteca de roteamento para carregar as configurações.
Lesson
6 meses atrás
ENG
JPN
Use tabelas de lista de materiais (BOM, Bill of Materials) para chamar os componentes de uma montagem. É possível modificar a lista de materiais de muitas formas. Além disso, é possível gerar novos templates de tabelas para salvar personalizações. A lista de materiais na forma de tabela pode conter informações sobre várias configurações. Crie uma lista de materiais de uma montagem. Modifique a tabela da lista de materiais para adicionar e reordenar colunas. Salve uma lista de materiais como template. Crie uma lista de materiais na forma de tabela.
Lesson
6 meses atrás
ENG
JPN
Use algumas das ferramentas utilizadas para criar vistas explodidas em montagens a fim de criar essas mesmas vistas em peças multicorpos. Alterne entre estados explodidos e recolhidos. Edite as etapas de explosão. Crie mais de uma vista explodida por configuração.
Lesson
6 meses atrás
ENG
JPN
Use as opções de dinâmica física ao mover componentes para permitir a interação realista entre componentes das montagens. A dinâmica física identifica colisões entre as faces e permite que os componentes empurrem uns aos outros quando entrarem em contato. Conheça as opções do comando Mover componente. Use a opção de dinâmica física para simular a interação entre os componentes que estão em movimento. Conheça os limites do uso da dinâmica física em comparação ao estudo de movimento. Saiba como solucionar problemas ao usar a opção de dinâmica física.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
Adicione e oriente peças existentes em montagens para criar montagens. Adicione posicionamentos para conectar os componentes. Criar novas montagens a partir de peças. Introduza a árvore de projeto do FeatureManager da montagem. Insira componentes nas montagens. Mova e gire componentes. Adicione posicionamentos entre os componentes.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
É possível criar vistas explodidas nas montagens para auxiliar no detalhamento e na visualização de componentes. Saiba como criar vistas explodidas em montagens. Use as opções do comando Vista explodida para explodir um ou vários componentes. Conheça as opções que permitem explodir submontagens. Automatize o espaçamento de vários componentes em uma etapa de explosão em cadeia. Saiba como animar as etapas de explosão.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
Use a ferramenta Detecção de interferências para identificar sobreposições de peças nas montagens. Também é possível usar a ferramenta Verificação de folga para detectar folgas entre as peças. Use a ferramenta Detecção de interferências para identificar interferências entre componentes das montagens. Explore as opções disponíveis na ferramenta Detecção de interferências. Use a ferramenta Verificação de folga para identificar folgas entre os componentes das montagens. Use a ferramenta Verificação de folga para explorar as opções disponíveis.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
Use tabelas de projetos para criar com rapidez várias configurações que alterem os estados de supressão de componentes, posicionamentos e recursos de montagens. Além disso, você pode usar tabelas de projetos para configurar as dimensões dos recursos de montagens e posicionamentos. Conheças as opções ao criar tabelas de projetos. Use a validação de dados para restringir os valores inseridos nas tabelas de projetos. Defina as propriedades das configurações para controlar novos posicionamentos e componentes. Altere as configurações dos componentes nas tabelas dos projetos das montagens.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
Use o ConfigurationManager para adicionar configurações às montagens e mostrar duas versões de seus componentes. Além disso, explore as opções avançadas das propriedades de configuração. Use o ConfigurationManager para adicionar configurações às montagens. Use as opções avançadas das propriedades de configuração para controlar novos componentes e posicionamentos. Crie duas versões das montagens para representar os diferentes componentes disponíveis.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
Conheça as várias formas de mover e girar componentes, como arrastar, usar a tríade e definir as opções no PropertyManager. Explore as opções para detectar colisões entre componentes. Calcule a folga mínima entre os componentes. Arraste, use a tríade ou use as opções do PropertyManager para mover e girar componentes. Identifique a folga entre as opções ao mover os componentes. Detecte colisões entre componentes móveis e outros componentes.
Lesson
7 meses atrás
ENG
JPN
Use esboços 3D para alterar a geometria da rota. Exclua, apare e adicione geometrias de esboços para editar as rotas. Exclua os acessórios existentes e adicione acessórios para substituições. Edite rotas existentes. Exclua acessórios existentes. Adicione acessórios para substituição.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Use o modo de posicionamento múltiplo do comando Posicionamento como atalho para criar muitas relações de posicionamento com uma referência em comum. Use o modo de posicionamento múltiplo para criar posicionamentos desse tipo com uma referência em comum. Alterne o alinhamento dos posicionamentos. Explore diferentes técnicas para editar recursos de posicionamento.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
O espelhamento de componentes cria versões idênticas, mas invertidas, de peças ou submontagens. Especifique quais elementos devem ser espelhados e quais devem ser copiados (por exemplo, componentes de fixação, que não devem ser espelhados). A geometria dos componentes espelhados sofre alterações para gerar uma versão realmente espelhada, conhecida como versão "opposite-hand". Espelhe componentes com base nos planos das montagens. Crie versões espelhadas de peças nas montagens. Crie versões invertidas das peças.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Use tubulações flexíveis perpendiculares e acessórios padrão da biblioteca para conectar os componentes existentes. Use o recurso Roteamento automático para gerar rotas. Adicione acessórios padrão às montagens. Crie rotas perpendiculares entre os recursos.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Crie rotas de tubulação flexível entre os componentes existentes nas montagens. Edite as rotas da tubulação flexível para acomodar os clipes da tubulação e os envelopes cilíndricos. Use o comando Reparar rota e a opção Rotear spline novamente para solucionar possíveis erros. Crie rotas de tubulação flexível. Use clipes de tubulação flexível e envelopes para editar rotas.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Edite uma rota com relação à geometria dos canos (com base na linha de centro ou na superfície externa). Também é possível adicionar revestimentos aos canos. Crie rotas para superfícies existentes. Adicione revestimentos aos canos. Altere o ponto de atribuição de dimensões com base nos canos (linha de centro ou superfície externa).
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Crie automaticamente as rotas da tubulação rígida entre as conexões. Você pode escolher uma das diversas rotas possíveis. Você pode especificar se a rota contorna a geometria do modelo ou atravessa a geometria de referência. Arraste e solte os flanges. Crie uma nova rota de tubulação rígida. Use o roteamento automático para criar geometrias de rotas. Visualize diversas soluções de rota. Avalie as soluções de rota.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Use o comando Macho/cavidade para criar superfícies de intertravamento ao redor do perímetro das superfícies de partição a fim de criar a usinagem dos moldes. Salve os corpos dos moldes e crie montagens dos moldes. Crie arquivos de montagens para moldes com base nos arquivos das peças. Crie vistas explodidas das montagens dos moldes. Use o comando Macho/cavidade para criar superfícies de intertravamento nos moldes.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Use os comandos de vistas específicos para trabalhar com modelos de montagem, incluindo vistas de seção de corte parcial, vistas de posição alternativa e vistas explodidas. Use as propriedades de vista de desenhos para representar as configurações das montagens. Crie vistas de seção de corte parcial para mostrar os componentes internos da montagem. Use uma configuração nova ou existente para criar vistas de posição alternativa. Crie uma vista explodida de desenhos de montagens.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Selecione os componentes de acordo com sua posição em relação aos envelopes de montagem e oculte, suprima ou exclua os componentes selecionados. Utilize os envelopes de montagem como componentes de referência que são ignorados pelas listas de materiais e pelos cálculos das propriedades de massa. Converta componentes em envelopes de montagem. Selecione componentes com base em suas posições em relação a envelopes de montagem. Use envelopes de montagem para ocultar ou mostrar componentes.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
A configuração SpeedPak melhora o desempenho de montagens grandes ao simplificá-las sem perder as referências aos arquivos. Crie configurações SpeedPak. Use configurações SpeedPak em montagens superiores. Conheça as vantagens e limitações do uso de configurações SpeedPak.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN
Selecione componentes e recursos em montagens de definição para criar componentes inteligentes. Em seguida, insira os componentes inteligentes em montagens para adicioná-los e criar os recursos. Crie componentes inteligentes em montagens de definição. Insira componentes inteligentes em montagens para criar componentes e recursos. Selecione faces de referência para recursos de componentes inteligentes.
Lesson
1 ano atrás
ENG
JPN